(06.02.2019) - O secretário nacional de Segurança Pública, general Guilherme Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, esteve nesta quarta-feira, 06, em Florianópolis. Atendendo a convite do Secretário de Segurança Pública e comandante-geral da Polícia Militar de Santa Catarina, coronel Araújo Gomes, o secretário nacional veio conhecer as tecnologias e as principais ações da área de Segurança Pública do Estado. “Esta é minha primeira visita. E como agora estamos sob uma nova gestão, escolhi Santa Catarina por ser um modelo a ser seguido”, afirmou o general Theophilo.

Colegiado Superior de Segurança Pública

Durante a visita a sede administrativa da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), que aconteceu no fim da tarde, o general pode conhecer o modelo do Colegiado Superior de Segurança Pública, que integra as forças catarinenses e reforçou a importância da integração e da comunicação entre as instituições, para que os índices sigam diminuindo. 

“Não adianta a gente investir, gastar ou falar em modelo se não temos estatísticas e as estatísticas de Santa Catarina são as melhores do país”, avaliou. 

Participaram da reunião o coronel PM Araújo Gomes, Delegado-Geral Paulo Koerich  e Delegada-Adjunta Ester Coelho (Polícia Civil), Diretor-Geral Giovani Adriano (Instituto Geral de Perícias), coronéis BM João Valério Borges, Edupércio Pratts e Charles Vieira (Corpo de Bombeiros Militar), além do Diretor-Geral do Colegiado, coronel BM RR Flávio Graff. 

“Achei muito interessante ter vários representantes de órgãos  de Segurança Pública, se reunindo uma vez por semana para deliberar sobre o assunto. Depois tomam uma decisão, que é sem dúvidas muito mais embasada, do que uma decisão tomada por uma cabeça só. É um modelo que vamos tentar implantar em todo o território brasileiro. O tema será abordado a partir da próxima reunião, no dia 19 de fevereiro, com todos os secretários de Segurança Pública”, enfatizou o general.

O presidente do Colegiado, coronel Araújo Gomes, destacou que a inovação e a integração só contribuem para os bons resultados. “A Senasp pode nos apoiar em outros projetos, como na nova formatação integrada de radiocomunicação, em parceria com a Polícia Rodoviária Fedederal (PRF). Com essa nova tecnologia, a radiocomunicação no Estado será mais segura e mais moderna. Além disso, teremos uma maior integração com os demais órgãos que compõem a Segurança Pública em Santa Catarina", explicou o coronel. 

Para Gomes, "a visita do secretário nacional abre grandes perspectivas. Serviu para que apresentássemos nossos projetos de sucesso e também para o aporte de recursos para novos projetos", concluiu. 

 

 

Polícia Civil

O delegado-geral Paulo Koerich lembrou ao secretário nacional que o último convênio da Polícia Civil de SC assinou com a Senasp  foi em 2013 e por meio da delegada adjunta Ester Coelho entregou uma relação de projetos para implantação com recursos federais. Koerich falou da implantação do audiovisual nos depoimentos em autos de prisão em flagrante, projeto pioneiro na área digital. 

“Eu estou tomando conhecimento hoje deste convênio de 2013 e estou sendo enfático no controle dos convênios, tem muitos estados que estão recebendo recursos e não estão conseguindo gastar, pelo que vi hoje, na gestão, organização e existência de projetos básicos eu tenho certeza que nós poderemos passar recursos para a Polícia Civil aqui de SC e esses recursos serão gastos a tempo e no horário certo e com um objetivo muito ligado a Segurança Pública”, esclareceu Theóphilo. 

Instituto Geral de Perícias

O diretor-geral do IGP, Giovani Eduardo Adriano, apresentou ao secretário o projeto de implantação do documento único de identidade em todo país. Destacou o impacto direto que isto teria no número de resoluções de crimes. Já o general explicou sobre a implantação do Plano Nacional de Redução de Homicídios e ressaltou a importância dos trabalhos realizados pelos peritos do IGP, destacando o abastecimento do banco de perfis genéticos com material dos apenados.

"A visita do Secretário Nacional de Segurança pública foi um momento ímpar para o nosso Colegiado. Aproveitamos a oportunidade para demonstrar nossas necessidades e expertises que podemos compartilhar com outros estados da federação", comentou o diretor do IGP.

Corpo de Bombeiros

O coronel João Valério Borges, falou sobre a importância das ações do Corpo de Bombeiros no Estado, também sobre as equipes de força-tarefa que foram deslocadas para Brumadinho, apresentou os projetos sociais da instituição e também destacou a importância da integração das forças de segurança para o andamento dos trabalhos dos bombeiros. 

Sobre a visita

Durante toda a manhã, a comitiva da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) esteve em reuniões no comando central da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), conhecendo alguns dos projetos desenvolvidos pela instituição. “Estou impressionado! ”, exclamou Theophilo. 

Theophilo também esteve visitando o Tribunal de Justiça de Santa Catarina, no início da tarde, reunido com o presidente da casa, desembargador Rodrigo Collaço, e demais autoridades, onde puderam conversar sobre o modelo adotado em SC, sobre algumas ferramentas tecnológicas e sobre resultados obtidos. "SC e SP estão entre as menores taxas de homicídio do Brasil", comentou o general.

No encontro, foi apresentada a parceria de sucesso entre o Judiciário catarinense e a PMSC, que deixaram o general admirados não só pela agilidade nos procedimentos como também pelos novos recursos disponíveis. "O Termo Circunstanciado aproximou o policial do magistrado e do promotor. Uma integração sadia e vencedora", colocou o coronel Araújo Gomes.

GOVERNO DE SANTA CATARINA
SECRETARIA DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA

Avenida Governador Ivo Silveira, nº  1521
Capoeiras  - Florianópolis-SC  - CEP: 88.085-000.

Atendimento ao Público: 13h às 19h.

 Fone: (48) 3665-8100 - Email: gabinetesecretario@ssp.sc.gov.br

2019 SSP/SC. Desenvolvido por DTIC - Divisão de Tecnologia da Informação e Comunicações.

Search