Representando o governador Eduardo Pinho Moreira, o secretário da Segurança Pública abriu o 1º Congresso Internacional de Operações de Choque, em Florianópolis, na manhã desta segunda-feira (10). “O controle da ordem pública, de distúrbios e de combate ao crime organizado são alguns dos grandes desafios das forças de segurança.  Para atingirmos estes objetivos, não bastam apenas maciços investimentos nas últimas gerações de equipamentos de alta tecnologia. Claro que são importantes ferramentas para o desenvolvimento de estratégias, tomadas de decisões e até deslocamentos de tropas.  Mas isso não significa que o aperfeiçoamento técnico, o preparo e o acompanhamento psicológico das nossas tropas de elite devam ser relegados a um plano inferior”, afirmou o secretário.

Alceu de Oliveira salientou que o grupamento de policiamento de choque de Santa Catarina é uma unidade policial de referência no país e que em muito tem colaborado para a redução da criminalidade no Estado.  

- Já somos o estado mais seguro da federação.  O número de homicídios foi reduzido em mais de 20% nos últimos 11 meses, o mesmo acontecendo com roubos, com queda superior a 30%. E, como salientou o futuro secretário nacional de Segurança Pública, general Guilherme Theophilo, apenas Santa Catarina e São Paulo têm índices de primeiro mundo com relação a homicídios dolosos.

Logo após a abertura, o comandante-geral da PM, coronel Carlos Alberto Araújo Gomes Júnior apresentou a palestra “Cavalgando dragões: o desafio do policiamento de manifestações, invasões e ocupações.” O congresso está sendo realizado no Centro de Eventos Luiz Henrique da Silveira, em Canasvieiras, e o encerramento será quarta-feira.

 

GOVERNO DE SANTA CATARINA
SECRETARIA DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA

Avenida Governador Ivo Silveira, nº  1521
Capoeiras  - Florianópolis-SC  - CEP: 88.085-000.

Atendimento ao Público: 13h às 19h.

 Fone: (48) 3665-8100 - Email: gabinetesecretario@ssp.sc.gov.br

2018 SSP/SC. Desenvolvido por DTIC - Divisão de Tecnologia da Informação e Comunicações.

Search